Nesse site são apresentados trechos do depoimento individual de personagens, que não foram contemplados no DVD e/ou no documentário, parte integrante do PROJETO "SULTAQUE - IDENTIDADE CULTURAL - SOTAQUE CURITIBANO"

 

 

FARAH HEILAHEL DE FREITAS

Moafak filho.png

O texto a seguir foi  publicado originalmente no livro "Sultaque - Identidade Cultural - Sotaque Curitibano"

Todos os direitos reservados. Autorizada a cópia de parte ou totalidade da obra desde que citada a fonte.

 

Zilá Maria Walenga Santos 

 

Aprendizado da língua portuguesa

 

            Farah, filho de Moafak Helaihel, nasceu em Curitiba, onde cresceu e estudou. Já na idade adulta, passou um período em Dubai, nos Emirados Árabes, para aperfeiçoar os conhecimentos sobre o idioma árabe – ele havia assimilado o vocabulário no contato com a família, mas ainda encontrava dificuldades na conversação.

            Um fator que contribuiu significativamente para o aprendizado da língua portuguesa foi ter frequentado desde cedo a escola no Brasil, sempre em contato com crianças e depois com adolescentes que falavam o português. Por isso, ele não herdou nenhum sotaque da língua árabe do seu pai e familiares. Pelo contrário, Farah é um jovem que reúne todas as características do sotaque e das expressões regionais que são tipicamente curitibanas.

 

Preservação da cultura

 

            Farah já participou do Grupo Folclórico Árabe Zahira Dabke. Além de gostar muito da música e dança árabes, também aprecia muito a música brasileira e estrangeira. Assim como seu pai, também pratica a arte da caligrafia árabe. Ele mantém as tradições culinárias e aprecia muito a comida árabe como o “Shishbarak" (capellette com coalhada).

LOGOMARCAS JUNTAS BLOG.jpg